antologia

Eu li - Quando a Escuridão Bate à Porta

quinta-feira, agosto 09, 2018

Título: Quando a Escuridão Bate à Porta
Autor: Ge Benjamim e Rodrigo Ortiz Vinholo (org.)
Número de páginas: 186
Ano: 2018
Editora: Sinna

E-book cedido em parceria com a editora.
Quando as pedras no caminho impedem a travessia e as sombras da depressão engolem as almas atormentadas, resta apenas o desespero dos inocentes e o verdadeiro filme de terror se inicia.As feridas abertas causam dores insuportáveis, deixando somente lágrimas e, no fim, a sombra da morte encerra toda a luz interior. Na coletânea de contos “Quando a escuridão bate à porta”, cada escritor expressa bem estes sentimentos com personagens instigantes à espera de alguém para levá-los a um banho de sol.

A obra organizada pela Ge Benjamim, é uma antologia que reúne vários contos sobre um tema bastante comum nos dias atuais: a depressão.

São diversas histórias tocantes, que mostram o quanto as relações entre as pessoas afetam diretamente em nossas vidas. Há situações onde a morte de entes queridos, os traumas, os relacionamentos que não deram certo, os trabalhos que não vão bem, as pressões diárias, a descoberta da opção sexual, tudo isso e mais pouco, impedem os personagens de enfrentar o mundo novamente.

A maioria dos contos são narrados em primeira pessoa, portanto é possível acompanhá-los de forma bem crua, os sentimentos e as emoções se mostram bastante convincentes e fortes.

Estes são os títulos:

– A garota que perdeu sua essência (Rodrigo Ortiz Vinholo);
– No limiar do abismo (Gislaine Oliveira);
– Permita-se (Rodrigo Fonseca);
– A nuvem (L.L. Alves);
– Desabafo de uma depressão (Evelyn Monique);
– Meu segredo (Geana Krause);
– Doença da alma (Pollyanna M.);
– O peso das nuvens (Lucas Hargreaves);
– Casulo (Janaína Flores);
– Cálida escuridão (Vivianne Sophie);
– Demetrius (Humberto Assumpção);
– As marcas no calendário (Rodrigo Ortiz Vinholo);
– O jardim das ervas daninhas (Débora S. Mattana);
– Luz no fim do túnel (Viviane Dutra);
– O espaço que o vazio ocupa (Glau Kemp);
– No limite de cada um (Denize Ribeiro);
– Lembranças (Judie Castilho);
– Relato de um vazio (Camila Lobo);
– Quero ver o sol (Mell Ferrarez);
– Quando se encontra a luz (Ge Benjamin).


O interessante é que cada personagem procura simbolizar suas dores e aflições. A personagem da L.L. Alves, por exemplo, compara o que sente com uma nuvem, já o personagem do Humberto Assumpção afirma que Demetrius fica sussurrando em seu ouvido coisas desagradáveis.

Em nenhuma situação a personagem principal desistiu de lutar. Todas as histórias mostram o quanto é importante persistir, encontrar beleza na vida e continuar seguindo em frente, mesmo com a imensa dor.

É importante ressaltar a importância de outras pessoas na vida dos protagonistas, pois elas estavam sempre dispostas a ajudá-las, através de atos ou palavras, mostrando que nunca estamos sozinhos para enfrentar nossos medos. A busca por ajuda profissional também é bastante frequente nas narrativas, mas nos mostra que depende unicamente das nossas decisões em querer melhorar. Cada passo é fundamental para nossas decisões,  e dar o primeiro passo para querer e pedir ajuda já é uma vitória imensa.

Não consegui decidir o qual conto mais gostei, porque todos são marcantes e especiais, cada um à sua maneira. Portanto, recomendo imensamente a leitura dessa antologia a todos que gostam de histórias de emoção e superação.

You Might Also Like

9 comentários

  1. Tudo bem? Não conhecia a obra, mas fiquei bastante curiosa.
    Adorei sua resenha e vou pesquisar o e-book para ver se consigo adicionar na meta de leituras.

    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Fiquei bastante impressionada.
    O título é bem impactante, a capa bem feita, os títulos dos contos bem convidativos.
    Gosto muito de livros de contos, pois, sou contista. O livro foi para a minha lista de desejados.
    Obrigada pela sugestão!

    ResponderExcluir
  3. Oi Ana,
    Acho legal quando a resenha de um livro que não é best-seeler começa a aparecer em diversos blogs. Isso é sinal de que o trabalho de divulgação feito por nós, blogueiros, realmente funciona. Ainda mais com um livro com uma temática tão importante como essa. Não sou fã de contos, mas este livro parece que teve um cuidado extra por parte da editora. A capa é linda e muito significativa.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  4. Oii.
    Achei super bacana a ideia do livro, tratando de um tema bastante atual e mal compreendido que é a depressão. Não conhecia a obra, mas com certeza já vou procurar para conhecer.

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito de histórias que usam como base temas importantes e reais, como no caso desta antologia, mas sempre fico com um certo receio de ver aquela romantização e simplificação de algo tão sério. Fiquei com vontade de ler estes contos, pois pelo visto foram bem desenvolvidos.

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Já tinha lido outra resenha sobre essa antologia e já tinha ficado interessada.
    Realmente é um assunto muito importante que está sendo bem desenvolvido na literatura. Bom saber que não tem como apontar seu conto favorito. Sinal de que muitos foram bons, né?
    Espero conseguir ler em breve
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Eu sou a autora do conto " No limiar do abismo".
    Fiquei muito feliz com a sua resenha, e mais ainda por saber que a obra te impactou e trouxe mensagens positivas de esperança e força para lutar pelo que se quer.
    Eu amei participar dessa antologia.
    Foi um sonho realizado e eu sei que ela vai alcançar muitas pessoas que precisam.
    Essa é a nossa maior recompensa.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Li algumas resenhas desse livro e estou bem feliz em me ambientar um pouco mais, só melhora a minha disposição em lê-lo assim que puder. Não faz meu estilo ler antologias, porém, tenho me desafiado a sair da minha zona de conforto. Obrigada pela dica! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Adorei alguns desses contos. Achei tão importante um livro trazendo temas tão importantes e necessários para serem abordados.
    Uma super dica de leitura!
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir

Adoraríamos saber o que você achou do post!