Título: Mau Começo - Desventuras em Série #1
Original: The Bad Beginning
Autor: Lemony Snicket
Número de páginas: 152
Ano: 2001
Tradução: Carlos Sussekid
Editora: Cia. das Letras


Mau Começo é o primeiro volume de uma série em que Lemony Snicket conta as desventuras dos irmãos Baudelaire. Klaus, Sunny e Violet, são encantadores e inteligentes, mas ocupam o primeiro lugar na classificação das pessoas mais infelizes do mundo. De fato, a infelicidade segue os seus passos desde a primeira página, quando eles estão na praia e recebem uma trágica notícia. Esses ímãs que atraem desgraças terão de enfrentar, por exemplo, um gosmento vilão dominado pela cobiça, um incêndio calamitoso, roupas que pinicam o corpo e mingau frio no café da manhã. É por isso que, logo na quarta capa, Snicket avisa ao leitor: "Não há nada que o impeça de fechar o livro imediatamente e sair para uma outra leitura sobre coisas felizes, se é isso que você prefere".

**Você pode sair agora mesmo desta página e ler uma resenha mais feliz, algum romance clichê, ou uma aventura de semi-deus e evitar toda a dor e desgraça dos Baudelaire...**
...
...
...
...
...

Bem, se você ainda está aqui, é provável que queira saber mais sobre está desgraça. Não diga que não foi avisado.

"Há muitos tipos de livros no mundo, o que faz sentido, porque há muitos e muitos tipos de pessoas, e os gostos são diferentes. Por exemplo, pessoas que detestam histórias em que acontecem coisas horríveis a criancinhas deveriam fechar este livro imediatamente."

Aqui começam as desventuras dos irmãos Baudelaire. Violet, a mais velha, é uma inventora nata. Aqueles que a conhecem sabem que as engrenagens de seu cérebro estão funcionando a todo vapor quando a garota prende os cabelos com uma fita, afinal ela não pode deixar que uma coisa tão banal quanto cabelos atrapalhasse sua visão. Em seguida temos Klaus, o irmão do meio e único menino. Klaus é um leitor. Muito inteligente ele lê de tudo e consegue guardar muitas das informações sobre o que lê. E a mais nova é Sunny, apenas um bebê, mas que faz o maior estrago com seus quatro dentinhos super afiados, que conseguem roer qualquer coisa.


Já no começo os jovens são atingidos por uma terrível noticia. Seus pais faleceram em um incêndio que deixou a casa deles em ruínas. Agora o Sr. Poe, o banqueiro da família, teria de arrumar um parente próximo e responsável para ser tutor das crianças, até que Violet atingisse a maioridade. Este fora o último desejo dos pais dos agora órfãos Baudelaire.
Sr. Poe então encontra o Conde Olaf, um homenzinho desprezível e horrendo, que não é o parente mais próximo geneticamente, mas sim geograficamente, e que transforma a já terrível vida dos irmão em algo perto do insuportável. Lavar, limpar, cozinhar, cortar lenha e não ter nenhuma distração, além de apenas uma cama, faz agora parte da rotina dos jovens. Juntos eles precisaram de todas as forças, conhecimento, habilidades e mordidas (?) para conseguir vencer o malvado Conde Olaf.

É uma história realmente triste. É incrível como tudo que pode dar errada, dá errado na vida dos Baudelaire. A escrita do autor é muito simples e até mesmo educativa, por algumas vezes ele usa palavras mais rebuscadas e em seguida explica o significado dela para que nenhum leitor fique em dúvida do que é que ele realmente queria dizer. Achei um recurso fantástico, ainda mais se estiver sendo lido por alguma criança/pré-adolescente que ainda não tem um vocabulário tão vasto quanto à de um adulto, ou de um leitor mais assíduo. O livro também mostra como as palavras de crianças são banais comparadas com a de adultos. Os órfãos não são levados a sérios pelos outros quando tentam informar que o Conde Olaf não é um amorzinho de pessoa. É um mundo cruel, porém realista de uma forma fantasiosa. A união dos irmãos também é tocante, apesar de todo o horror por que passaram, eles continuam firmes e fortes, tentando tirar algo de bom das diversas situações ruins, o que na minha opinião também é um incentivo as crianças, levando-as a agradecer pelo que tem e não reclamar das adversidades da vida.
O livro é bem fofo e cheio de ilustrações que condizem com momentos da história, um charme só. O livro é bem curtinho, tanto que li em poucas horas, mais uma vantagem para presentear uma criança e incentivá-la a leitura. Não chegou a se tornar um favorito, mas estou bem ansiosa pelas continuações.

Vale lembrar que a Netflix acabou de lançar a série de TV sobre esta coleção de livro. A primeira temporada tem oito episódios e narra os quatro primeiros livros – dois episódios por livro. Já assisti ao primeiro episódio e achei muito bem produzido e fiel a medida do possível. Gostei bastante do elenco, apesar de que durante a leitura só conseguia lembrar dos personagens do filme que teve a vários anos atrás onde o Jim Carrey fazia o Conde Olaf e a Emily Browling a Violet.

Foi você quem quis ler esta terrível resenha até aqui, afinal de contas eu avisei, assim como o autor me avisou, que o destino dos Baudelaire era muitas coisas, menos feliz. 

38 Comentários

  1. Ah, que legal!! Sou apaixonada por essa história e quero muito comprar o box com todos os livros, porém não o encontro mais!!
    Gostei de saber desse teor educativo do livro, afinal, é infanto-juvenil né, adoro esse tipo de narrativa, uma pena mesmo que os Baudelaires só encontrem desventuras em seu caminho, mas se não fosse assim o título da série não faria sentido. Quero assistir a série, mas tô ficando meio doida com tantas sendo lançadas e eu sem tempo de vê-las! kkkkkk
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Andrea!
      A editora Seguinte relançou o box a pouquíssimo tempo. Tem para comprar nas Americanas e na Saraiva (que eu saiba), mas o preço está um pouco salgado (afinal são 13 livros sendo comprados de uma vez!). Eu optei por emprestar da biblioteca, como a capa estava bem estragadinha nem tirei fotos, rs.
      Também estou enlouquecendo com tantas séries para por em dia, mais a leitura dos livros....Mas com o tempo tudo se acerta (ou não) kkk
      beijos

      Excluir
  2. Oi Niina, que coincidência, acabei de ler uma resenha falando sobre a série, e citando justamente os livros, que aliás eu não conhecia. A série da tv eu não fiquei interessada em ver, mas a dos livros eu já gostaria de ler. Vou dar uma pesquisada para ver quantos livros são.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii
      Já te adianto que são 13 livros! Mas todos são curtinhos, este por exemplo li em algumas horinhas. A história é bem fluida.
      Que bom que se interessou! =)

      Excluir
  3. Eu estou louca para ler essa série e ver a série de também, eu vi o filme e amei. Gostei de ver seu post e conhecer sua opinião sobre o primeiro livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Beatriz!
      A série ficou um amorzinho. uma fotografia ótima! Mas confesso que ainda gosto do filme com o Jim Carrey.

      Excluir
  4. Oi, tudo bem?
    Não tenho vontade de ler a série apesar de gostar um tanto de histórias tristes.
    a série talvez assista se tiver tempo.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Angélica, quando não tiver nada para fazer dê uma chance aos livros. São curtinhos e lê-se em horas.

      Excluir
  5. Olá, tudo bem?
    Bom, eu só assisti ao filme dos livros. E estou me preparando para assistir a série - que aliás, tenho certeza que será um arraso vindo da Netflix.
    Em relação aos livros, pretendo comprar o box ano que vem <3 estou mega ansiosa por ele!
    Beijos.

    Obs.: ótima resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline também quero o box!
      Meu aniversário é em março, então já estou cantando várias pessoas para ganhar! hahaha
      O primeiro eu emprestei da biblioteca para ter certeza de que valia o investimento (vai que eu não gostava, né?).
      E sim, a série ficou muito bem produzida!

      Excluir
  6. Oiii Nina, tudo bem?
    Menina eu sou louca para ler essa série, só pude assistir ao filme e nunca encontro uma promoção bacana para comprar, ótima resenha e fiquei mais na vontade ainda.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Morgana somos duas esperando uma promoção!
      hahaha
      Estou tentando ganhar de aniversário! =)

      Excluir
  7. Olá!
    Sou apaixonada por Desventuras em Série, pretendo terminar de ler esse ano, apesar de estar no livro 6 ainda :/

    Beijo
    http://albumdeleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nháá eu seii
      Babo no seu box cada vez que vou te visitar! hahah
      Acho que você consegue terminar a série. os livros são bem curtinhos e ótimos de ler. =)

      Excluir
  8. Adorei a resenha, esse livro ta na minha lista do skoob como "Desejado" e "Quero ler" a um tempinho já. A série da Netflix parece estar sendo bem fiel a história, estou assistindo *-*
    A resenha ficou ótima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Até onde pude ver a série está bem fiel mesmo. Poucos desvios, hihi
      Também fiquei com eles por muito tempo no "quero ler". Ai o lançamento da série me deu uma vontade extra.

      Excluir
  9. Oie amore,
    Acho um mimo essa série e tenho vontade de ler, e a cada resenha que leio minha vontade aumenta ainda mais, e com a sua resenha não foi diferente amore!
    Parabéns, sua resenha está uma delícia de ser lida!
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  10. Já fazia um tempo que queria ler essa série, e finalmente iniciei! Só li os dois primeiros e me apaixonei ainda mais pelas desventuras dos irmãos Baudelaire 😍 Eu adoro a Sunny , ela é a minha personagem preferida da série! Espero concluir a série ainda esse semestre!! Que resenha linda, parabéns! Quero muito assistir a série!! Vi o primeiro episódio e já sei que está ótima!!! Beijos do Wes *_*

    www.facesemlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Wesley que bom que está gostando dos livros!
      Assim que ler os 4 primeiros já pode ir ver a série. A segunda temporada vai ser do 5º livro em diante. =)

      Excluir
  11. Oi Nina!!
    ri demais do início da resenha kkkkkkk
    confesso que fiquei bem curiosa sobre a desgraça dessa família. mas me diga, eu começo lendo os livros ou vendo a série? tô bem dividida sobre o que faço primeiro kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa seria ótimo ler os livros primeiro.
      Pois ai você consegue enxergar melhor a magia da série e o quanto ela é fiel a narração. <3

      Excluir
  12. QUERO! Sempre quis ler a serie, mas por enquanto só assisti o filme. Gostaria de ler primeiro e depois ver a serie, mas o que vier antes não me importo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queremos!
      Estou pedindo para meus amigos fazerem uma vaquinha e me darem de aniversário. hahaha

      Excluir
  13. Oi Nina!
    Hahaha amei tua resenha! E fiquei curiosa mesmooo com seu alerta, mas no final acabei achando "fofa", apesar das desventuras vividas. Gostei de ver como você destacou a união entre os irmãos. E essa questão educativa quantos as palavras também achei interessante, aumenta nosso vocabulário.
    Eu confesso que não li e nem vi o filme, mas tenho visto vários posts sobre a série e fique curiosa, mas como não costumo ver séries, prefiro esperar pela oportunidade de adquirir os livros.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mercia realmente o livro é uma desventura e tanto, mas tem alguns pontos (mínimos) que nos faz sentir que a união é o que vale a pena.
      Uma pena você não ver série (sou super viciada) mas acho muito melhor ler os livros primeiro para poder comparar depois.

      Excluir
  14. Você achou fofo? Nossa, eu achei uma desgraça hahaha Não no sentido de história ruim, mas é realmente desventuras em série. O autor estava certíssimo em avisar sobre a leitura. Eu desisti no oitavo livro pq não aguentava mais só coisa ruim :P ''Achei um recurso fantástico, ainda mais se estiver sendo lido por alguma criança/pré-adolescente que ainda não tem um vocabulário tão vasto quanto à de um adulto, ou de um leitor mais assíduo.'' A intenção é justamente essa ^^ ele usa vários outros recursos maravilhosos. Lemony é ótimo escritor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza são fatos muito tristes, mas creio que no final (lá no livro 13) algo de bom vai acontecer. Acho fofa a relação dos irmãos entre si e apesar de tudo o que lhes acontece de ruim continuarem sendo tão simpáticos e maravilhosos.
      Adorei os recursos do autor, não é sempre que vemos coisas assim.

      Excluir
  15. Oiee Niina ^^
    Não sabia que a primeira temporada da série da Netflix já abordava os quatro primeiros livros. Achei que era tudo sobre o primeiro...hehe'
    De qualquer forma, eu não tenho vontade de ler os livros, ou de ver o filme ou até mesmo a série, não sei por quê. Simplesmente não me fisga...hehe' Mas fico feliz em saber que gostou do primeiro livro, nunca tinha reparado que os livros eram curtinhos *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nhá que pena Dryh.
      Mas cada um é cada um né? Eu também não tenho vontade de ler HP mesmo sendo um dos livros mais aclamados da minha infância e juventude. hihi

      Excluir
  16. Olá!
    eu só fui descobrir do que se tratava essa série depois que vi que seria lançado no Netflix. É uma história bem triste e fiquei com muita dó das crianças. Não sei se leria o livro, mas o seriado na Netflix eu vou assistir.
    Sua resenha está muito boa.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suelen, a parte legal de ler o livro é ver o quanto eles estão sendo fiéis ao que foi escrito. Acredito que a maior frustração dos leitores com adaptações é esperar ver cenas e diálogos dos livros e ai assistir uma coisa que não tem nada a ver com o que leu e traz na memória.

      Excluir
  17. Olá...eu adorei ler essa série (muito antes de ser adaptada), acho o Conde Olaf um vilão incrível, kkkk e os órfão, crianças geniais!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre tive a vontade de ler, mas não encontrava os livros em nenhum lugar (agora achei na biblioteca, hahah) mas era uma vontade que dava e passava. Quando descobri sobre a série tomei como um incentivo.

      Excluir
  18. Olá !!! Achei muito interessante sua resenha, a indicação.
    Ainda não li, vou anotar, e espero também ter a oportunidade.
    Ótimo você compartilhar, super bjoooooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Lorena, mas lembre-se, não é uma história feliz.

      Excluir
  19. Oi, Niina ^^
    Minha relação com a história dos irmãos Baudelaire é cheio de altos e baixos pois anos atrás comecei a leitura da série e enquanto ia passando pelos livros o sentimento de monotonia crescia pois não existe uma evolução na escrita do autor, é sempre no ditando o mesmo ritmo que cansa. Dai larguei após a leitura do sétimo livro, mas espero esse ano voltar a ler pois com a série da Netflix eu quero relembrar pra ver se fizeram fiel.
    Gosto bastante da película que possui o Jim Carrey no elenco, mas lembro de não ver detalhes fieis.
    Enfim, gostei da sua resenha e muito obrigado por me esclarecer que a cada dois episódios se inicia a história de um dos livros lá na série da Netflix, Niina. ^^
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Bruno, que pena que você perdeu um pouco do interesse na série.
      Também estou lendo para poder assistir a série e comparar os dois. =)

      Excluir

Adoraríamos saber o que você achou do post!

Categorias