Título: Zuri, O Rei das Selvas
Autor: Wallace Cavalcante*
Número de páginas: 111
Ano: 2015
Editora: Amazon

Sinopse: Zuri é um leão diferente dos outros. Ele é amigo de Gahigi, um caçador da tribo Baraka. O pai de Gahigi, Gacoki, achou Zuri quando este era apenas um filhote indefeso, e o levou para a sua aldeia, onde Zuri e seu filho se tornaram grandes amigos. Com o passar dos anos, Gahigi se casa com Lina, uma aldeã da tribo Olufemi, enquanto Zuri, forma um lindo casal felino ao lado de Abla, uma leoa que ele e Zuri salvaram da morte. Parecia que nada poderia abalar a amizade destes dois amigos. Porém, um terrível acidente acontece, fazendo com que Zuri e Gahigi se voltem um contra o outro.

Gacoki, líder da tribo Baraka, encontrou um filhote de leão durante uma caçada e resolveu levá-lo como presente para seu filho Gahigui. Gahigui e Zuri se tornam então amigos inseparáveis, crescem juntos e passam por muitas aventuras.

O tempo passou, Gahigi vira adulto, e a amizade deles fez com que Gahigui não sentisse a mínima vontade de se casar, sendo que esta era uma de suas obrigações. Mesmo assim, Gacoki insiste e, como em todos os anos segundo a tradição das tribos, foi realizado um ritual onde os jovens de tribos vizinhas eram convidados a participar de uma “festa” e escolher alguém para se casar.

Gahigi não está animado, mas acaba conhecendo Lina, uma linda jovem guerreira de uma tribo próxima. Após enganarem um pouco as tradições, eles acabam se casando.

Em seguida foi a vez de Zuri encontrar uma parceira e dar continuidade a sua espécie. Porém, o destino aguardava muitas tristezas... Só que primeiro preciso contar que os casais tiveram filhos!  #momento fofura *-*


Então vamos ao momento triste: um mal entendido separa os grandes amigos. Depois disso uma busca incessante um pelo outro nas selvas da África vai acarretar em uma história emocionante, onde os sentimentos de vingança e perdão sempre estarão dialogando.

Só posso dizer que o final é muito inesperado...
Não posso esquecer-me de mencionar também que adorei o outro amigo de Zuri, um simpático urubu chamado Kamau, e morri de medo da Sombra da Morte e da serpente Lutalo.

Fora que foi angustiante, mas emocionante, vivenciar o confronto interior de Zuri e Gahigi. Ambos acabam sofrendo perdas e cada um acha que foi culpa do outro, então acredito que podemos tirar uma semelhança com a vida real, onde muitas vezes acabamos perdendo amizades por qualquer besteira.

Mesmo não sendo parecido, e não querendo comparar, acabei me lembrando d’ O Rei Leão (hehe), principalmente quando Zuri conhece Kamau. Mas para saber mesmo como é a história dele, basta verificar na Amazon: disponível aqui. 



Recomendo, recomendo e recomendo! =D

*Pra quem não lembra, já fiz resenha de outro livro do Wallace: Eu li 'Tec... A história de um escritor' e que adorei imensamente! Vale a pena conferir!

Grande abraço!

Deixe um comentário

Adoraríamos saber o que você achou do post!